Brisa da Tarde | Curtindo a Vida em Família

2ª fase: A gravidez

Se você e seu parceiro decidiram que é hora de aumentar a família, fizeram os exames e já passaram pela 1ª fase, agora, vocês estão entrando em uma fase de muita, mas muita, emoção mesmo.

Sua menstruação está atrasada, seus seios doem, você fica com a sensação de que vai vai menstruar, mas ela não vem, sente vontade de comer toda hora, muito sono, enjoo, dores de cabeça, dores nas costas, entre outras sensações.

Aí, você corre, faz o teste de gravidez de farmácia e aparece o seu positivo ou suas 2 listras. Pronto! Seu mundo vai ficar cada dia mais colorido e cheio de vida e, claro, muitas emoções estão por vir.

Eu divido a gravidez em três partes:

1° trimestre:

É a fase mais chatinha para algumas. Essa fase é de muito enjoo, sono, preguiça, entre outras coisas.

Para o bebê, é a fase mais critica porque ele está em formação, então, a mãe tem que se cuidar o máximo possível. Eu tive um aborto espontâneo de 8 semanas. Com muita certeza, não é a melhor coisa do mundo essa sensação.

Nesses primeiros meses, coma muitas frutas, verduras e beba muita água. Eu comia muita gelatina nas duas gravidezes. Isso ajuda muito o bebê nascer com a pele limpinha. Como todas já sabem, nada de chocolate, refrigerante ou muito café. Faça tudo em equilíbrio, pois faz bem para você e para o bebê.

2° trimestre:

Para mim, é a melhor fase da gravidez. Aqui, os enjoos diminuem e, claro, você pode descobrir sobre o sexo do bebê, o que vai lhe dar a oportunidade de saber se seu mundo será rosa ou azul (eu sou suspeita para falar porque tenho dois meninos que são minhas vidas, então, não sei se quero tentar uma menina… Quem sabe?).

Nesta fase, começam os preparativos para o chá-de-bebê ou de fraldas, a arrumação do quartinho, as comprinhas, etc. A barriguinha começa a crescer. Você pode sim sentir movimentos do bebê quase toda hora. Nossa, é muita coisa para viver em três meses (aproveite bem porque vai passar rapidinho)!

3° trimestre:

Este último trimestre é um pouco complicado porque você vai ficar um pouco mais devagar nas suas tarefas diárias, terá muito sono, não vai conseguir fazer as unhas dos pés sozinha, etc. Nem vou entrar em detalhes sobre se depilar :D. Uma imagem diz tudo:

Mais uma imagem que nos informa sobre ficar mais devagar:

devagargravida

Para dormir, vai ser mais ou menos assim:

dormirgravida

Este último trimestre é o mais difícil, mas tenha paciência porque ele também acaba e você ainda vai sentir falta de tudo isso.

Logo, você vai começar a sentir falsas contrações e isso pode assustar um pouco. Não se esqueça de que o bebê pode não mexer tanto porque, afinal, ele deve estar grandinho e sem muito espaço. Nesta fase, você ficará muito ansiosa para conhecer o rostinho do seu bebê, mas tenha calma e paciência, pois, quanto mais tempo o bebê estiver na sua barriga, melhor para ele. Depois que ele nascer, você terá muito tempo para olhar e admirar a sua obra-prima.

Quando chegar o grande dia, tudo vai preparado: a mala da maternidade, o quartinho, as roupinhas todas com cheirinho de bebê, etc. No dia do parto, você não pode, nem em pensamento, ficar com neuras! As pessoas vão contar para você o que aconteceu com elas (todas são coisas ruins; é incrível!). As mulheres são diferentes, bem como seus corpos e suas mudanças na fase da gestação. Então, nada de neuras!

Faça uma oração e entregue nas mãos de Deus!

Beijos

Comente

comments

Clipping: Melhores Blogs de 2020 para Famílias
Meu pai, meu herói
Clipping: 12 brinquedos educativos indicados por mães blogueiras
Acompanhe as nossas notícias

Assine

Close