Brisa da Tarde | Curtindo a Vida em Família

Sonhar faz bem

Oi, gente!

Tudo bem com vocês? Aqui está tudo bem!

Acredito que todo mundo tem um sonho que ainda não foi realizado, seja ele uma viagem, um desejo, uma idealização, etc. A vida é feita de sonhos. Quem não tem um sonho, não consegue sair um pouco da realidade e deixar se levar pela imaginação.

Li uma reportagem na Revista Veja dizendo que o ato de “sonhar acordado”, por alguns momentos, pode ser benéfico para a saúde mental, pois deflagra um conjunto de ‘experiências prévias’ que podemos usar para decidir como agir caso tais imaginações se tornem realidade. Acho que sonhar vai mais além disso. Sonhar nos faz viajar para lugares em que nunca fomos e também nos dá a sensação de prazer, ajudando a nossa vida a entrar em foco.

Quando somos crianças, o mundo da imaginação é o "nosso mundo real" porque conseguimos criar brincadeiras, amigos e, até mesmo, uma imitação da vida adulta. Como é gostoso fazer de conta que somos um super-herói ou uma super-heroína tentando salvar o mundo ou uma princesa em seu castelo esperando o príncipe encantado chegar! Quando crescemos, muitas vezes, nos esquecemos dessa fase gostosa da imaginação e dos sonhos e voltamos os nossos olhos apenas para o mundo real.

superheroi

É como encontrar o Homem-Aranha no elevador

O mundo real, para muitos, pode ser considerado cruel demais. É verdade! No mundo em que vivemos, há muitas coisas ruins, mas não podemos viver no mundo da imaginação para fugirmos dos problemas.

Os sonhos nos ajudam a encarar os problemas e tentar resolvê-los da melhor maneira possível. Quem nunca esteve estressado e viajou para descansar e esquecer um pouco dos problemas? É claro que, quando voltamos, os problemas estão lá nos esperando, mas deixá-los um pouco de lado nos faz pensar sobre a melhor maneira de resolvê-los.

Então, vamos sonhar bastante, mesmo que esse sonho seja algo impossível. Vamos imaginar que somos um super-herói que consegue combater o mal e deixar o mundo mais feliz, mesmo que seja só um pouquinho! Esse combate ao mal pode acontecer através de um pequeno gesto como um sorriso a uma pessoa triste, uma conversa com alguém que esteja precisando, um carinho a um idoso, um abraço caloroso a uma pessoa doente, entre outras situações do dia-a-dia. Acredito que você levará um pouco de amor a quem precisa agindo dessa maneira!

Vamos sonhar!

Um grande beijo!

Este texto faz parte da blogagem coletiva do grupo Blogueiras com B.

Comente

comments

12 direitos do consumidor que você tem e não sabe
Lidando com dias difíceis
Músicas que me movem…
Acompanhe as nossas notícias

Assine

Close