Brisa da Tarde | Curtindo a Vida em Família

Tipos de pimentas

Oi, gente!

Tudo bem com vocês? Aqui está tudo bem!

Antigamente, as pimentas eram usadas para colorir os pratos, mas, ao longo do tempo, ganharam diversas funções. As pimentas são saudáveis, pois aceleram o metabolismo e protegem o coração. Ao todo, são mais de 150 tipos de pimentas catalogadas. Vejam abaixo as mais conhecidas e os graus de picância de cada uma delas:

pimenta

Pimenta-rosa

É a semente da aroeira. Tem perfume forte, mas não arde. É crocante e boa para finalizar pratos.

Grau de picância: 0

Cambuci

É também chamada de chapéu-de-frade. Não arde e pode ser consumida em pratos frios e quentes.

Grau de picância: 0

Pimenta-biquinho

É bem fraquinha e entra nas receitas pelo seu sabor.

Grau de picância: 1

Pimenta-síria

Mix aromático de condimentos com pimenta-do-reino preta. Complementa vários pratos da cozinha árabe.

Grau de picância: 2

Pimenta-do-reino verde

É a base do prato francês steak au poivre vert.

Grau de picância: 2

Pimenta-do-reino preta

É a espécie mais comum no mundo. Em pó, perde parte de seu aroma; moída da hora, vale mais a pena.

Grau de picância: 3

Pimenta-do-reino branca

Os grãos verdes, depois de lavados, perdem a casca e ficam brancos. São aproveitados moídos ou inteiros.

Grau de picância: 4

Chipotle

Molho mexicano produzido a partir do jalapeño, depois de seca e defumada.

Grau de picância: 5

Jalapeño

Popular na América do Norte e no Sudeste brasileiro, é farta em polpa. Portanto, pode ser recheada. É ótima em molhos.

Grau de picância: 5

Dedo-de-moça

Uma das mais populares do país, recebe o nome de pimenta calabresa depois de seca e picada. Vai bem em saladas e cozidos.

Grau de picância: 6

Pimenta-de-bode

Muito usada em pratos goianos, aparece também em conserva ou marinada em azeite e vinagres.

Grau de picância: 8

pimentas0002

Ají amarelo

Típica da cozinha peruana, tem sabor frutado e costuma ser vendida em pasta, pó ou conserva.

Grau de picância: 8

Tabasco

O popular molho pronto tem como base a pimenta de mesmo nome. A versão in natura pode ser usada em salada, peixes e vegetais.

Grau de picância: 8

Cumari

Comum no Sudeste, vai à panela madura ou ainda verde, em molhos e cozidos.

Grau de picância: 8

Malagueta

Original da Zona da Mata, é a espécie mais comum da culinária baiana e tailandesa.

Grau de picância: 9

Habanero

Muito usada no México, é uma das mais picantes, por isso, cuidado ao manuseá-la. Vai bem em marinados e em molhos.

Grau de picância: 10

Bhut jolokia

Conhecida também como naga jolokia, é originária da Índia e também é uma das mais picantes. No Brasil, vem em molhos e em conservas.

Grau de picância: 10

Bom, pessoal, estas são as pimentas mais conhecidas. Espero que tenham gostado do post de hoje!

Beijinhos

Comente

comments

6 dicas para evitar a umidade em casa
Tipos de brita: da construção à decoração
5 dicas para montar um quarto de criança
Acompanhe as nossas notícias

Assine

Close